Monthly Archives: Julho 2013

Álbum das Glórias

2305%20album%20das%20gloriasÉ mesmo assim, puto! É às quintas que chegam as novidades à Bedeteca de Lisboa! Do que vimos do que chegou hoje, a única coisa de interesse é a edição fac-similada de Álbum das Glórias do mestre Raphael Bordallo Pinheiro (1846-1905).

Originalmente, a “série” era publicada por assinatura e vendida também a avulso, e é, sem dúvida, o melhor retrato vivo de Portugal no final do século XIX. Políticos, reis, escritores, actores e instituições constitucionais são objecto do lápis sarcástico e humorístico de Bordallo Pinheiro e de textos da autoria de Guilherme de Azevedo (pseudónimo João Rialto) e de Ramalho Ortigão (João Ribaixo). A 1ª série durou entre Março de 1880 e Janeiro de 1883, sempre com uma peridiocidade irregular: foram publicados 15 números em 1880, oito em 1881, 12 em 1882 e um só no ano seguinte. A 2ª série reapareceu em Março e Abril de 1902 com apenas três números – neste álbum é feita a recolha de todos os números.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, cartoon

Designer Dinamarquês inventou BD para cegos!

Life6-660x371

Phillipp Meyer, residente de Copenhaga, criou uma BD curta para cegos, intitulado de Life. Mais informações aqui.

Deixe um comentário

Filed under referência

Boas novas para Évora…

fonte

A Livraria Fonte das Letras vai-se mudar para Évora, depois de 10 anos situada no centro histórico de Montemor-o-Novo. É uma livraria generalista onde se encontram as novidades editoriais, mas onde se dá especial atenção a pequenas e raras editoras, livros de poesia, edições sobre o Alentejo, livros para crianças… e alguma BD! Daí esta nossa modesta divulgação da sua mudança…

Deixe um comentário

Filed under mercado

Psicose na Bedeteca de Lisboa

psicosisPREVIEWFoi em Dezembro do ano passado – na última Feira Laica – que saiu este livro mas só agora chegou à Bedeteca de Lisboa. Trata-se de Psicose, editado pela El Pep, que reúne BDs de Miguel Costa Ferreira e João Sequeira, este último co-assinou o último número da colecção Lx Comics.

Os autores conheceram-se na Tertúlia BD de Lisboa, organizada por Geraldes Lino e desde logo surgiu a vontade mútua de uma colaboração. Praticamente sem se conhecerem ainda, produziram a obra vencedora no seu escalão do concurso do BD Amadora 2010. Perante o inesperado mas motivador sucesso, criaram mais uma BD curta que viria a vencer o concurso do Festival Moura BD de 2011. Produziram ainda um obra em inglês, destinada a um concurso internacional sérvio. Decidiram então criar uma BD mais extensa, tendo surgido Psicose, história que dá nome ao livro que se apresenta como uma compilação de todos os trabalhos que surgiram da colaboração entre a dupla.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa

Death in the field

Documentário animado que adapta a BD que saiu no jornal suiço Le Temps, de autoria de Patrick Chappatte.

Deixe um comentário

Filed under cinema de animação

Oficina de Banda Desenhada da Alagamares

frmReadMail_Attachment

A Alagamares – Associação Cultural promove uma oficina de BD em quatro sessões destinada a principiantes, com exercícios de desenho, adaptação de texto literário, planificação e criação de uma pequena história utilizando o vocabulário da BD (relação texto-imagem, ritmo, composição de prancha, desenvolvimento de linguagem gráfica própria). Orientador: José Smith Vargas. Material necessário: folhas A4 de máquina ou cavalinho, lápis, borracha, canetas pretas finas e grossas e corrector. Preço: 10€/sessão. Datas: sábados 20 e 27 de Julho e 3 e 10 de Agosto, das 15h às 18h. Idade mínima: 12 anos. Local: Voando em Cynthia – Associação Cultural, Av. Heliodoro Salgado, nº 41 (Estefânia) Sintra.

Deixe um comentário

Filed under formação

Menos um sítio para comprar BD de autor!

0e5b7-sadacostaHá dois anos que a Livraria Sá da Costa (1913-2013) estava em processo de falência, devido ao excelente trabalho danoso de um gestor – daqueles da mesma linha que tem levado as nossas empresas, bancos ou o país inteiro para a sarjeta… No entanto a livraria estava melhor do que nunca, ora como bem refere no recente livreto-manifesto Manifesto contra o desastroso encerramento das livrarias da Cidade de Lisboa no centenário da Livraria Sá da Costa (seguido de Palavras proferidas na inauguração da nova sede da Livraria Sá da Costa, Rua Garrett, 100-102 no dia 10 de Julho de 1943) editado pela Letra Livre, a livraria Sá da Costa estava a dar destaque às edições da Chili Com Carne (…) entre outras entidades que não lançam livrinhos para gajas e teenagers (…)  A Livraria Sá da Costa nos dois anos que não teve um gestor tecnocrata, que daria primazia aos Bestsellers e outros fenómenos paranormais, em compensação teve cinco livreiros (funcionários da empresa) em AUTO-GESTÃO que ficaram a tomar do barco a afundar, abrindo as portas para os editores que são recusados nas grandes lojas de “livros”. (…) Este Sábado a Sá da Costa irá fechar as portas e lançará o tal livro-manifesto, redigido por Vitor Silva Tavares (da & etc) e pelos cinco livreiros. Não vão encontrar pieguices no texto apenas uma denúncia de como a Baixa de Lisboa está-se a tornar numa enorme Forum Almada ou coisa que lhe valha. Cada vez haverá menos razões para passear por lá a não ser para ser de passagem para outro ponto da cidade que seja mais interessante. (…) Para quem goste de livros, é favor de evitar a Baixa Lisboeta a partir de Domingo.

Sacado daqui.

Deixe um comentário

Filed under mercado