Cru mas fofo

cru_fofo

Já nem é notícia que o Cru voltou… A casa de nomes como Esgar Acelerado, Rui Torres, Rui Ricardo, Eduardo de Portugal, Helen Gossip, Emerenciano Osga, Mário Moura, Paolo Matlam, Asnaldo di Pietro, Randy Alvey, Cunha Rêgo, entre muitos outros, a Cru, revista rasca e vadia, foi o fanzine mais representativo do no-design e do do it yourself português durante a década de 1990. Com tiragens que não ultrapassavam os 100 exemplares, a Cru é hoje um valioso objecto de colecção, que agora se (re)introduz a uma plateia mais vasta. No limbo desde 1999, a Cru regressou aos escaparates em 2012, mais Rasca e Vadia de que nunca, com antigos e novos colaboradores. 

Com o tema “Especial Fofidão”, já topamos que chegou um exemplar à Bedeteca de Lisboa repleto de BD, música, cinema, discos, entrevistas e artigos, ou seja, repleto do melhor da cultura “underground” ao ponto de até ter incluído um suplemento com uma fotonovela! Uau!

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa, zines

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s