Monthly Archives: Dezembro 2015

Stop the Press (8)

5_SEMA__400px__22454_zoom

Tal como saiu na semana passada A Paródia e a &etc com o jornal Público (por mais 6,90€) na quarta fornada da colecção Almanaque Português, esta semana temos a Sema, revista lançada originalmente nas bancas na Primavera de 1979, sob a direcção de João Miguel Barros e Maria José Freitas, marcou pela sua irreverência. Graficamente cuidada e inovadora, esta publicação de artes e letras contava com Al Berto, Almada Negreiros, Álvaro Lapa, Ana Hatherly, Cruzeiro Seixas e Jorge de Sena entre os seus principais colaboradores – incluíndo Pedro Massano que assina a capa e uma BD no seu verso, o que mostra que noutras décadas os intelectuais das publicações eram muito mais abertos à BD que nos dias de hoje…

Almanaque Português é uma colecção fac-similada que reúne as primeiras edições das revistas portuguesas mais icónicas, e que nos dá a conhecer o trabalho de grandes ilustradores, designers gráficos e tipógrafos portugueses do séc. XX

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under bd portuguesa, press center, referência

Amigos da Fetra

PosterNoiteFetraVweb Dada à lenta autofagia da Feira Morta eis na realidade a sua wishful thinking: Noite Fetra & Amigos, que tal como no ano passado vai ter bancas de editores independentes.

Até vai haver lançamentos, ó: ás 16h30, Xavier Almeida e B Fachada (assina como Pato Bravo) irão fazer a apresentação do novo “episódio”, como gostam de chamar, da sua série de Banda-Desenhada Violência Electro-Doméstica.

É isto que vai “rockar”! Dead is dead!

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos, outros media, zines

A Prenda do Natal 2015:

EDITOR-CONTRA-capa2

Geralmente na literatura ou na BD são os autores que todos se lembram, para o bem e para o mal, e nunca dos editores. Focamos no caso do “mal” e imediatamente pensamos logo os autores que foram vítimas de perseguições judiciais (Sade, Oscar Wilde, Mike Diana), políticas (Héctor Oesterheld) ou de religiosas (Salman Rushdie, as vítimas do massacre da Charlie Hebdo) mas nunca dos seus editores. Aliás, dos editores só nos lembramos os que são sacanas, que roubam ou exploram os autores como a DC Comics e Marvel.

Editor Contra : Fernando Ribeiro Mello e a Afrodite lançado este mês pela Montag e de autoria de Pedro Piedade Martins será um dos livros mais interessantes deste ano a encontrar no triste mercado livreiro português, e mais importante, conta-nos muitas histórias: de Portugal, do próprio mercado livreiro, da literatura, do grafismo e até BD – já perceberam porque divulgamos aqui este magnífico livro! E claro, como é muito raro dá voz à história e ao papel de um Editor, caso raro em Portugal embora recentemente tenham aparecido algumas obras sobre estes agentes culturais – infelizmente muito perto dos seus falecimentos como André Schiffrin ou Vitor Silva Tavares.

Um “editor” à séria só pode ser “do contra” porque arrisca capital e a sua vida, ao contrário dos funcionários de secretária dos grandes grupos que lidam apenas com números e que não desafiam o poder instituído. Ribeiro Mello foi o dono da Afrodite, editora que criou no tempo do fascismo, tendo vários livros proibidos mas o que nunca o impediu de continuar a lançar algumas das edições mais bonitas feitas em Portugal. Muitas vezes as edições eram brilhantemente ilustradas por Eduardo Batarda (O Peregrino Blindado), Nuno Amorim (da Visão e actualmente realizador de cinema de animação), Henrique Manuel e Martin Avilez em que se sentia a influência da BD underground norte-americana mas também francesa.

Uma leitura a esta entrevista de Martins ao jornal I ajudará a compreender a importância deste Editor. Agora esperamos que alguém ofereça esta prenda de Natal à Bedeteca de Lisboa.

Deixe um comentário

Filed under mercado, referência

Afinal havia outra…

Nadja mesinha K

Não percebemos o que queriam dizer com “Najda em triplicado” (segundo o blogue oficial do zine Mesinha de Cabeceira) porque percebia-se que íamos ouvir barulho “Ambient Doom” de uma banda canadiana e ver o novo número especial de Natal com a nova BD de Nunsky. E hoje descobrimos (na Bedeteca de Lisboa) que há uma publicação promocional desta mesma BD mas redigida em inglês e impressa a uma cor apenas. É isso, olha, “Feliz Natalixo” para vocês também!

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos, bd portuguesa, outros media

Stabat Mater

Stabat Mater cartaz

Edição da Façam Fanzines e Cuspam Martelos. Trabalho da autora pode ser visto AQUI. Vai ser… Irreal.

 

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos, bd portuguesa, zines

HOJE: Relvas na Gandaia

Gandaia com Relvas

E já agora para quem não vai prá “outra banda”: Relvas nas BLX

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos

Uma colectiva para ajudar à festa…

42cc29e2-67ab-43ba-899b-39c0d7433bdf

Link: Abysmo

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos