Dor de Cotovelo

tumblr_nyag2xWEDj1qhpqseo1_1280

Nomes de editoras de BD em Portugal são um caso sociológico mesmo quando são micro-editoras mas felizmente já passou a fase de nomes que metem água (Âncora, BaleiAzul, Pedrnocharco, Polvo,…). Eis agora um grupo de jovens autores que se juntaram para editar os seus zines catitas, é a Dor de Cotovelo.

É um nome perfeitamente aceitável para a micro-cena da BD portuguesa cheio de dores de cotovelo. Composto por Ana Braga – que fez o mini-graphzine Atlas acessível na Bedeteca de Lisboa -, Vasco Ruivo (que participou no último Carne e Osso), Dileydi Florez e Gonçalo Duarteeste colectivo lembra o Clube do Inferno apenas porque é raro ver em Portugal reuniões de artistas para criarem as suas próprias estruturas de trabalho. Geralmente os autores portugueses são individualistas preferindo cada um seguir o seu caminho. Sinais dos tempos? Numa época de individualização e fragmentação social é a regra, lembraram-se que “a união faz a força”?

Antes da Dor de Cotovelo surgir (que piada!) os mesmos autores mais outras ilustradoras (Olga Panteley, Martina Manyá e Carolina Arbués Moreira) criaram o colectivo Meus Senhores mas que não foi muito longe porque só editaram o zine Beijos de Mão São Brincadeiras de Burro que também se encontra na Bedeteca. Todas elas peças editoriais muito interessantes, vamos estar atentos a este colectivo!

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa, zines

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s