Isto não é pó de talco…

capa_talco1Há actualmente uma excitação com a BD brasileira que não partilhamos, especialmente cá em Portugal ela é promovida pela editora Polvo desde 2013 com a sua longa colecção de “romance gráfico brasileiro”. Daqui pouca coisa tem saído de realmente de interessante mas Talco de vidro de Marcello Quintanilha junta-se ao Morro da Favela e Cumbe. Se o livro anterior, Tungsténio, era apenas virtuoso no desenho e na narrativa este Talco de Vidro mostra-nos um desenho mais estilizado e livre, para além de uma maior capacidade de escrita de Quintanilha, conseguindo criar uma história cheias de armadilhas. Vamos esquecer o Tungsténio, sff.

Sinopse: Em Talco de Vidro, Quintanilha, o mais aclamado autor brasileiro contemporâneo de banda desenhada [!], cria um “thriller” psicológico a partir da crise existencial de Rosângela, uma bem-sucedida dentista de Niterói, no Rio de Janeiro, bem casada com um médico respeitável, com dois filhos pré-adolescentes e um carro novo na garagem, que se deixa afundar numa espiral de autodestruição, abeirando-se da imoralidade e do crime. A sua vida seria perfeita caso não fosse a inveja que sente pela sua prima, que um dia a visita na clínica…

Obra seleccionada para a Bedeteca Ideal.

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd estrangeira

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s