Quinta Poética

24a57adc7514486ba21fe36bcee4cdc8Eis mais uma Quinta-Feira das Novidades na Bedeteca de Lisboa e chegaram os livros O Poema Morre de David Soares (a) e Sónia Oliveira (d) e Tormenta de André Oliveira (a) e João Sequeira (d).

Sobre o primeiro dizem que é um livro singular e subversivo, é uma observação sobre o fenómeno da guerra, aqui vista por um poeta, cuja vida atravessa vários conflitos e regimes diversificados, e cuja obra se confunde com a natureza do belicismo e da própria política. E sobre o segundo: Sebastião deixou de contar as pegadas na areia molhada. As gotas de chuva caídas como seixos. As noites em claro, na ilha desolada que decidiu habitar. No farol que ilumina as horas afogadas na tormenta vive também Madalena, com quem parece ter uma relação impossível de resolver. Neste lugar abandonado por todos, ninguém fala. Ninguém ouve. E é quando as memórias começam a dar à costa, em jeito de homenagem, que emerge do mar negro um monstro dormente. Um raiar de esperança.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s