Sem futuros de Lisboa

futuros

No ano passado houve uma exposição de propaganda intitulada Futuros de Lisboa, coisa à qual sobreviveu um catálogo de design novo-rico – como é aliás o estilo da Capital dos últimos anos. Felizmente existem textos com sumo, especialmente o de Manuel João Ramos. Sim tinha de ser alguém da BD para agitar as águas, apesar da BD estar apresentada com os clichés de sempre, poucas com estilo como António Jorge Gonçalves, Victor Mesquita e José Lopes.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, outros media, referência

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s