São uns animais!

Tínhamos prometido a nós mesmas que não iríamos divulgar BD que não temos a certeza que vale um chavo, ou pelo menos ter nas mãos o livro e lê-lo. Do brasileiro Odyr, do que foi publicado por cá não nos convenceu – muito antes pelo contrário – mas eis a sua adaptação de Quinta dos Animais (ou Triunfo dos Porcos noutras edições) de George Orwell, fábula que satiriza a Revolução Russa e o porco Estaline, onde pode correr mal?

A mesma ladainha, só se edita BD nas editoras generalistas que sejam adaptações históricas, literárias, bla-bla… Depois é o caracter oportunista em que os direitos de autor das obras de Orwell passaram para domínio público. E ainda, sendo o segundo livro de BD que a Relógio D’Água lança, apesar desta editora deter um dos melhores catálogos de literatura em Portugal também é a que tem os livros mais feios em termos de Design. Ainda assim divulgamos este potencial desastre ou placebo.

Entretanto chegou um exemplar à Bedeteca e ficamos pelo “placebo”. Se as páginas a cores de Odyr são bonitas, a lembrar Miguel Rocha ou alguma tradição inglesa de livro ilustrado, aliás, é esse o problema é mais um livro de texto ilustrado do que um de BD. Os acabamentos do livro são baratos, ele “parte-se” logo na primeira leitura, será que deveremos chamar de “desastre”, afinal?

Por fim, como o meio editorial português é tão aborrecido, relembramos que já tinha sido publicado cá uma adaptação deste romance pelo bom velho Jean-Giraud.

Deixe um comentário

Filed under bd estrangeira, mercado

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s