Category Archives: bd estrangeira

Mex-Luso-Suomi

Foram tsandoval_phoenixrês livros de várias proveniências que saíram no último semestre de 2016 que achámos ter qualidade para serem aqui divulgados… Finalmente chegou o último título à Bedeteca de Lisboa!

Começamos pelo mais velho, lançado em Agosto (?), do mexicano residente em Berlim, Tony Sandoval que pelos vistos largou o teenybopper Gótico das suas obras anteriores para se dedicar a temas sérios: (…) para todos aqueles que se interrogam sobre o percurso pessoal e profissional de Sandoval até passar a residir na Europa e ser o responsável pela direcção da colecção Calamar na editora suíça Paquet, o autor levanta um pouco o véu em Rendez-Vous em Phoenix, um álbum biográfico cujo tema é a imigração ilegal. Foi em 1998 que Sandoval tentou emigrar clandestinamente do México para os EUA, por entre guardas da fronteira, contrabandistas, traficantes e outros imigrantes ilegais a viajar nos dois sentidos por razões familiares, sonhos profissionais e amor. Ou a Califórnia não tivesse como segunda língua o espanhol… (…) Entre desventuras e encontros fortuitos, o autor apercebe-se da angústia e do medo daqueles que deixam o México em busca de um Eldorado. Edição da Kingpin Books.

Obra seleccionada para a Bedeteca Ideal.

acedia

Vencedor deste ano do concurso interno da Chili Com Carne – Toma lá 500 paus e faz uma BD – foi lançado em Outubro o Acedia de autoria de André Coelho que consegue estabelecer um equilíbrio entre experimentação e tradição na banda desenhada estabelecendo um paradoxo entre a sua energia criativa com o ambiente mórbido da narrativa. Diz a sinopse: Um homem, Daniel, sofre de distorções na sua percepção visual devido a um corpo estranho alojado algures na cavidade ocular. Apesar da insistência das notificações hospitalares para dar início aos seus tratamentos, ele vê-se confrontado com a hipótese das suas alucinações estarem a  proporcionar-lhe uma fuga para uma nova percepção da realidade. Daniel terá que optar entre encarar a sua doença como um sinal evidente da sua mortalidade ou como uma intensificação da vida.

simply_samuel_cover_por

Por fim, eis Simplesmente Samuel do finlandês Tommi Musturi – autor de BD publicado na revista Quadrado e co-autor de um mural ainda resistente na Bedeteca de Lisboa – que é uma narrativa visual silenciosa, uma homenagem à vida e à existência humana. Samuel é uma figura fantasmagórica que caminha por um mundo colorido (muito parecido com o nosso) praticamente invisível para o que está ao seu redor, como um verdadeiro herói da nossa vida quotidiana e mundana. (…) continuação de Caminhando Com Samuel (2009), primeiro trabalho de Tommi Musturi com este “pequeno fantasma que caminha”, escolhido pelo jornalista Paul Gravett para o livro de referência 1001 Comics You Must Read Before You Die – e que acaba de ser reeditada com mais páginas, nova capa e essas coisas… Ambas edições são da MMMNNNRRRG.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd estrangeira, bd portuguesa, concursos

Deuses & Neuras

Duas “novidades” que chegaram à Bedeteca de Lisboa e que destacámos em Dezembro de 2018 porque achámos interessantes – e realmente são:

  • Neuro Habitat de Miguel Ángel Martín, pela Escorpião Azul, em que o autor conta-nos história de um rapaz sem nome que nos vai acompanhando num quotidiano de isolamento radical, fechado no seu apartamento tendo como única companhia uma anaconda e um cão robotizado. O bisturi de Martín fala com extrema precisão na paranóia contemporânea. No começo parece não fazer mal, mas aos poucos vamos sorrindo com a sua ironia cruel, deixando a sua marca. A história deste livro não é real nem fantástica, é a história do vosso vizinho, ou talvez a sua.
  • Deuses Americanos de Neil Gaiman (a), P. Craig Russel e Scott Hampton (d) pela Saída de Emergência que assim publica a adaptação como novela gráfica do romance multi-premiado (…). Diz a sinopse: Shadow Moon sai da prisão e descobre que a sua mulher morreu. Derrotado, falido e sem saber para onde ir, conhece o misterioso Sr. Wednesday, que o emprega como guarda-costas, empurrando Shadow para um mundo mortífero onde fantasmas do passado regressam da morte e onde uma guerra entre deuses está iminente. Obra seleccionada para a Bedeteca Ideal.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd estrangeira, mercado

Quinta do Século

loeg_capa

Só agora é que as BLX gastaram uns cobres em BD e eis, quatro anos depois, nesta Quinta-Feira das Novidades na Bedeteca de Lisboa, chegou A Liga De Cavalheiros Extraordinários : Século de Alan Moore (a) e Kevin O’Neill (d) depois de ter publicados os primeiros volumes entre 2002 e 2003. Este terceiro reúne os três números editados originalmente pela Top Shelf (EUA) e Knockabout (Inglaterra) entre 2009 e 2012. Na realidade a Devir fez alguma batota passando por cima do livro Black Dossier de 2007 mas tudo bem…

Sinopse: Uma história épica que se desenvolve em três capítulos – 1910, 1969 e 2009, tendo início logo após o terceiro volume de A Liga de Cavalheiros Extraordinários. Às personagens de Allan Quatermain, Capitão Nemo, Mina Harker, juntam-se outras provenientes de livros de autores como W. Somerset Maugham e Iain Sinclair. Cada capítulo de Século é acompanhado por um episódio de Os Sicários da Lua, escrito em estilo de ficção científica dos anos 60, onde Alan Moore, adopta o pseudónimo de John Thomas.

Moore é considerado um dos mais originais escritores de novelas gráficas da actualidade. Entre os seus trabalhos mais conhecidos contam-se Watchmen, V de Vingança, A Liga dos Cavalheiros Extraordinários e Do Inferno. O’Neill é um ilustrador inglês, mais conhecido pelos seu trabalho em Nemesis the Warlock, Marshal Law e A Liga de Cavalheiros Extraordinários (que se tornou o seu título de maior sucesso).

Obra seleccionada pela Bedeteca Ideal.

PS –  veremos é se alguma vez a Devir publicará os outros volumes da série, uma vez que são o canto do cisne de Moore

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd estrangeira

Favela

Artboard 3

Promovida pela Embaixada do Brasil em Lisboa, inaugura dia 14 de Fevereiro, Sexta-feira, a exposição Morro da Favela, de André Diniz e fotografias de Maurício Hora. A exposição nasce do livro homónimo, onde se conta a história deste fotógrafo, nascido e residente no Morro da Providência, amais antiga favela brasileira, onde fundou a Casa Amarela, um centro de artes comunitário. Uma história real, sobre uma realidade incrível, ao mesmo tempo assustadora e fascinante.

Os autores estão em Portugal para a inauguração e alguma programação, a saber:

  • Dia 14, 18h – Abertura, conversa e sessão de autógrafos;
  • Dia 15, 14h – Oficina “Contar com Imagens” com André Diniz
  • Dia 16, 15h – Palestra dos autores e sessão de autógrafos.

A exposição decorre na Casa Pau-Brasil Lisboa e está patente até 31 de Março.

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos, bd estrangeira, referência

Sete histórias

sevenstories11

A editora O Panda Gordo já tinha publicado um livro de “sete histórias” (disponível na Bedeteca de Lisboa para consulta) e voltou à carga em 2017 com o mesmo título mas agora um fanzine com o mesmo tema (imagem) e que chegou à Bedeteca de Lisboa o primeiro número. Participam neste número Amanda BaezaAndré da Loba, Ed Cheverton, Joana EstrelaJoão SobralNathaniel WalpolePaula Puiupo e Teresa Ferreiro. E se isto não fossem motivos mais do que suficientes para adquirir este volume, é de realçar a qualidade da produção do livro em si, cheio de cuidado e requintes de meter inveja a qualquer casa profissional… Aliás, a maior parte delas podiam aprender muito com O Panda Gordo!!

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd estrangeira, bd portuguesa, zines

KUTI #54 na Bedeteca de Lisboa

KUTIKUTI

Kuti#54_KansiWEBThe year 2020 is just around the corner. We celebrate the beginning of a new decade with a cyberpunk-themed winter issue of Kuti.

Kuti#54 features the following talents: Sami Aho (FI), Roope Eronen (FI), Esko Heikkilä (FI), Petri Hiltunen (FI), Petriina Koivunen (FI),  Søren Mosdal (DK), Jenna Oldén (FI), Aapo Rapi (FI), Hannele Richert (FI), Johanna Rojola (FI), Kari Sihvonen (FI) and Emmi Valve (FI).

Editor-in-chief, layout & cover by Benjamin Bergman (FI). Print-run 4 000.

Read it online or download yourself a free PDF here.

To get a printed copy of Kuti delivered straight to your home, office or local library is easy. Just fill out the subscription form here: https://kutikutisf.wordpress.com/subscribe-kuti-magazine/. But hurry up because the new year raises the price. Until the end of 2019 a full year subscription (four issues) costs still 12 euros (in Finland) / 20 euros (anywhere else).

View original post

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd estrangeira, zines

Prego na Bedeteca

prego_capa_divulga-2

Eis que chegou catalogado, o último número da revista brasileira Prego, dirigida pelo ilustrador e músico Alex Vieira – entretanto residente no Porto. Passado talvez uns quatro anos eis que que chega a sétima edição, fazendo assim dez anos de publicações, eventos e muita arte independente! Esta edição fecha a trilogia de revistas temáticas iniciada anteriormente na Prego nº5 (Edição Sonora), passando pela Prego nº6 (Edição Drogada) e finalizando com a Prego nº7 (Edição Fudida).

Neste número foram 60 artistas seleccionados, entre eles(as) brasileiros e estrangeiros – com um único representante português desta vez, Manuel Pereira (colagens) quando no passado passaram por lá vários autores de BD e ilustradores como Wasted Rita, ou RudolfoA Prego é uma grande antologia de quadradinhos, colagens, ilustrações, fotografias e uma entrevista inédita com o artista Mike Diana (EUA). Participam desta edição Alex Vieira, Allan Sieber, Cecília Silveira, Chico Felix, Guido Imbroisi, Sama, Tais Koshino, entre muitos muitos outros…

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, acontecimentos, bd estrangeira, bd portuguesa, zines