Category Archives: bd portuguesa

Muco na Bedeteca

image007Chegou à Bedeteca de Lisboa o primeiro número de Mucomorphia de Filipe Felizardo, seguindo o formato quase clássico das publicações de banda desenhada subterrâneas com vários trabalhos distintos de um só autor, Felizardo expõe o seu trabalho mais recente de ilustração e banda desenhada, na forma de cartoons, ilustrações, pornografia, ensaios-bd, e o primeiro capítulo do seu próximo livro, A Conference of Stones and Things Previous, fruto de uma residência de land-art no Moinho da Fonte Santa.

São 28 páginas A4 a preto e branco com capa em papel amarelo, a tiragem é ilimitada (ainda bem, já chega de mediocridade em edições limitadas), custa 5 euros e os pedidos deverão ser feitos para ardo[ponto]zilef[arroba]gmail[ponto]com. Entretanto já saiu o segundo número que desconfiamos que irá demorar um ano a chegar à Bedeteca. Tudo bem, as BDs do Felizardo são para ler devagar…

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa, zines

Antílope

ANTILOPE1B.jpg.pagespeed.ce.bje_DzyiNF

Chegou à Bedeteca de Lisboa o número dois da revista brasileira de BD Antílope mostrando que para aqueles lados também há BD artística com uma forte lista de colaboradores como Amanda Baeza, Dash Shaw, Jason, Nik Neves ou Simon Hanselmann,… Destaque para os artigos teóricos e a entrevista muito interessante ao Chester Brown.

metropoles_taiskoshino_ZIP_04-209x300E Ainda ontem é mais exemplo dessa nova produção brasileira. De autoria de Taís Koshino – já publicada em Portugal no Lisboa é very very typical – foi a obra vencedora do concurso promovida pela Des.Gráfica.

(…) Feito de grandes painéis que trabalham texturas e grafismos, o livro explora diferentes tipos de delicadezas, com uma poética cheia de estranhamentos, reminiscências e intimidades. Novamente a sexualidade feminina vem à frente, assim como uma bem lacônica história de amor entre duas garotas. (…)

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd estrangeira, bd portuguesa, referência, zines

O Mundo Muda Contigo

transferir

O BCSD lançou um livro de banda desenhada que está a ser distribuído a professores das disciplinas de geografia e ciências naturais dos 7.º, 8.º e 9.º anos de escolas que integram a rede da Comissão Nacional da UNESCO e de outras escolas em Portugal. O Mundo muda contigo é da autoria da escritora Raquel Ochoa, ilustrado por Mariana Malhão e já se encontra na Bedeteca de Lisboa.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa, miúdos

Guimarães Jazz BD

21318855_1535673969824799_1121507466653197670_o

Não é a primeira vez nem será a última, esperemos nós, que vemos André Coelho a realizar um trabalho sobre Jazz. Já aconteceu o Guimarães Jazz 2017 mas só agora é que a Bedeteca de Lisboa recebeu o seu catálogo onde encontra-se uma BD de Coelho a adaptar um texto de Ivo Martins, o programador do evento. É pena não sabermos desta BD durante o festival para divulgá-lo aqui. Em compensação fica no acervo da Bedeteca uma bela e rara de uma BD existencialista para o século XXI! Não há muitas assim…

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa

Puja gordi!

24879807_1532059476860288_4860048216174112699_o

Abriu há coisa de um ano uma nova livraria em Lisboa, facto que é de admirar numa cidade reduzida a “alojamento local” e “tapas”. Falamos da Tigre de Papel. Mais interessante ainda é que começaram a editar e o segundo livro que publicam é de BD: Gravidez de Júlia Barata.

No seu habitual tom cómico-punk, Júlia Barata transpôs para esta novela gráfica a sua experiência de maternidade (…) com um sentido de humor a toda a prova, nos transporta para uma experiência que cruza várias cidades, pessoas e encontros.

Júlia Barata, actualmente a residir na Argentina, estará em Portugal durante este mês para participar em duas sessões de lançamento e apresentação do livro. A primeira teve lugar na Tigre de Papel com apresentação de Pedro Moura. A segunda será no Porto, no Gato VadioHOJE, a partir das 18h30.

A autora já tinha publicado a sua mudança para a Argentina no livro Zona de Desconforto mas agora surge a contar em pormenor as dificuldades da gravidez, em alguns casos com representações bem engenhosas. É melhor que aquelas chachadas do Baby Blues e Cathy – nem se compara! De resto, a Bedeteca de Lisboa já tem um exemplar no seu acervo! Não foi preciso esperar nove meses!!!

PS – E a versão castelhana / argentina pela Musaraña Editora.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa, mercado

Re-Falo-Barato

23376331_877643599066318_4993929142350594884_n

Inesperada a reedição de Zé Inocêncio : As aventuras extra ordinárias dum Falo Barato de Nuno Saraiva. Álbum editado originalmente em 1997 pela BaleiAzul e Bedeteca de Lisboa, na colecção Bedeteca – uma colecção dedicada à recuperação de BD portuguesa publicada em periódicos, tendo publicado várias obras importantes como as de Relvas, Cottinelli Telmo, Ana Cortesão, Fernando Bento, Sérgio Luís e Luís Félix.

Uma reedição em Portugal é raro, estando esta iniciativa a cargo da Procyon uma jovem e ilustrada editora dedicada aos jovens e aos nem tanto jovens! Seja lá o que isso quer dizer…

O lançamento oficial é será na Tasca Mastai, o Bar-livraria do Bairro Alto especializado em Banda Desenhada e Ilustração, HOJE, pelas 19h, no número 14 A da Rua da Rosa, Lisboa. O autor estará presente para autógrafos e essas coisas…

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, acontecimentos, bd portuguesa, mercado

Quinta do Askar

Askar__o_General_55167c95272e4

O livro de BD Askar, o General, estreia da Dileydi Florez, chegou à Bedeteca de Lisboa. Nada de especial nisto, excepto que tudo o resto que chegou é perfeitamente horrível, que Natal infeliz…

A autora de origem colombiana é ilustradora e designer, estudou Design no IADE-U e Ilustração Artística na Universidade de Évora. Em 2013/14 foi bolseira e finalista do curso de Ilustração e Banda desenhada no Ar.Co. Actualmente vive e trabalha em Lisboa. Esta sua primeira obra de banda desenhada é inspirada em iluminuras persas e gravuras japonesas, e é um prelúdio para um álbum ilustrado (por publicar). O trabalho concorreu ao Toma lá 500 paus e faz uma BD! e apesar de não ter ganho, a sua qualidade gráfica convenceu a Chili Com Carne a publicar o livro (…)

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa, concursos