Category Archives: bd portuguesa

É bom é…

Não sabemos como a Bedeteca de Lisboa tem a C’est Bon, uma revista sueca que ao contrário de outras deste país que se encontram no acervo da Bedeteca está redigida completamente em inglês!

Criada em 2004 por um colectivo que fazia parte parte Mattias Elftorp (que já visitou Lisboa duas vezes), a primeira série tem 6 números em que desde o inicio mostrava que é uma revista que “dá para os dois lados”, ora para BDs mais experimentais com as da alemã Anke Feuchtenberger como para mais convencionais com as do croata Daniel Zezelj.

Daí que estando a série actual já passaram autores tão diferentes como Tommi Musturi, Knut Larsson, Igor Hofbauer, Martin tom Dieck, o “nosso” Pedro Nora, Marko Turunen, Dash Shaw, entre muitos outros… E nos últimos anos uma série de autores portugueses como António José LopesRui Moura, Margo, Francisco Sousa Lobo (duas vezes) e num número mais recente a Ana Biscaia. A Bedeteca de Lisboa recebeu estes números com as participações nacionais, fazendo da Bedeteca de Lisboa, pelo menos, a biblioteca especializada de BD com “toda” a BD portuguesa editada no estrangeiro! C’est bon!!!

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd estrangeira, bd portuguesa, zines

Cobrinha

O único editor inteligente de 2020 volta a atacar! Desta vez no domingo e no espaço Corrente Arroios. Skate Snake Zine é um fanzine sobre Skate por Tiago Baptista que diz: fica o aviso, o Skate Snake zine vai ser lançado no Domingo (…) na rua Passos Manuel, 99 A, Lisboa. Tem uma bd do Pedro Saúde, outra bd da Raquel Diogo, que tinha participado no número anterior do zine (…) e também uma ilustração de um texto pela célebre e muy amada Amanda Baeza e do André Lemos!

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos, bd portuguesa, ilustração, outros media, zines

Diários do Corona

A Fojo e O Gorila voltam à carga com o segundo volume de Diários do Corona de Bruno Borges.

Em pleno cativeiro forçado Bruno Borges abriu quatro janelas da sua casa e deixou-nos espreitar o desenrolar dos seus dias de confinamento, a braços com a família irrequieta e um par de animais que forçaram a entrada. Levar uma vida com tantos bichos não deve ser tarefa simples, mais ainda quando o mundo lá fora é um osso duro de roer. São assim os Diários do Corona. Quarenta entradas do diário desenhado do autor, agora compiladas em livro. Espelham quatro meses dos efeitos da pandemia de Covid-19 em Portugal, e o absurdo, medo e paranóia que a ela estão associados. O sentido de humor e ironia patente nos abraços ao medo, e nos pontapés às pedras do caminho, parecem ser a maneira mais saudável de evitar que os leões nos comam vivos.

Já andam por aí a circular exemplares e chegou um à Bedeteca de Lisboa.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa, obituário

Set me on fire!!!!

Chegou um exemplar à Bedeteca de Lisboa de Querosene, a nova antologia da Chili Com Carne da colecção LowCCCost – para quem gosta de “viajar sem apanhar transportes e gastar dinheiro”. Dizem: Quando não há nada para fazer, acende-se um fósforo. Na terrinha, o aborrecimento combate-se com fogo e só há uma forma eficaz de matar o tempo: de uma vez por todas. Este livro é um guia para lidar com os sítios onde nada acontece: partindo da canção dos Big Black e levando à letra a sugestão da banda, partilham-se testemunhos de quem, tendo vivido a indolência das pequenas cidades, vilas e aldeias de Portugal, deu consigo a ponderar as possibilidades da piromania. Seja sobre a arquitectura pavorosa ou as gentes beatas que nela habitam, as histórias aqui reunidas documentam as frustrações e ansiedades de quem não cresceu no bulício do Porto ou de Lisboa e, sentindo a falta da animação das metrópoles, viu na fogueira a única cura para a letargia.

Incendiários identificados: Ana Margarida MatosAndré Pereira, Cláudia Sofia, Dois Vês, Eva Filipe, Gonçalo Duarte, Joana Tomé, João CarolaRodolfo MarianoRui Moura e Sofia Neto.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa

Fucking gross

Uma vergonha, a própria agenda da Câmara de Lisboa ignorou os 25 anos da Bedeteca de Lisboa como ainda promove no novo número umas fotografias tontas de autores aleatórios – muitos deles questionáveis – pela mão do “normie” Ricardo Gross. Meu, vai à Bedeteca informar-te do que se faz de jeito ou então vai ler isto. Ridículo… e claro, tudo isto graças à promoção do pequeno nazi.

Deixe um comentário

Filed under bd portuguesa, press center, referência

Edição infinita

Paulo Monteiro é Director da Bedeteca de Beja e do Festival de BD de Beja, e é também autor de BD sendo que o seu livro O Amor Infinito que te tenho já foi traduzido no Brasil (Balão Editorial), Espanha (Edicions de Ponent), França (Six Pieds Sous Terre), Polónia (Timof Comics), Reino Unido (Blank Slate Books) e na Sérvia (Komiko). Agora foi para a Turquia via Flaneur (imagem).

Já agora, este foi o livro escolhido por Tiago da Bernarda para a publicação dos 25 anos da Bedeteca de Lisboa – o segundo autor ou livro português.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa

Últimos números de A Batalha disponíveis em PDF

Deixe um comentário

Filed under bd estrangeira, bd portuguesa, e-comix, ilustração, press center, referência