Category Archives: zines

Freak Scene

 

Freak_Scene_03_01Chegou à Bedeteca de Lisboa o terceiro número do zine Freak Scene de André Pereira, editado pelo colectivo Clube do Inferno. Será lançado esta semana no festival Thought Bubble em Leeds, Inglaterra, para onde acontece uma verdadeira diáspora de autores de BD. Mas não é preciso ir à ilha mais xunga da Europa para ler este zine, basta ir aos Olivais!

O desenho está mais ajavardado que o normal – e o Pereira é um virtuoso – a história da BD é hilariante!!! Venham à Bedeteca confirmar!

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, zines

ZineFestPt

final_flyer-zf20171

O ZineFestPt é um festival de fanzines pensado em português mas com uma visão internacional, que acontecerá entre os dias 1 a 3 de Dezembro e terá como sede do evento o Centro Comercial de Cedofeita, no Porto.

Irão realizar-se várias actividades como uma exposição de fanzines, uma feira de micro-edições e edições independentes, apresentações temáticas, lançamentos de publicações, conversas,  festas, música, workshops e tudo o mais.

Propostas e tudo mais estão em aberto, consultem o blogue oficial, sff.

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos, zines

Atrito + Sapata

21762762_1564353393586420_5314905016403708067_oAtrito apresenta as aguarelas do livro de desenhos e textos de viagem de André Carrilho que, mais do que fazerem a continuação dos percursos iniciados com Inércia (2013), marcam o seu fim. Porque às vezes é preciso parar para poder seguir em frente. Afinal, cada desenho resultou de uma longa paragem em frente a cada um dos lugares. Acabada a obra, nada ficou como antes. Nem a paisagem e menos ainda o artista. Avancemos. Incluído na 8ª Edição do Bairro das Artes – amanhã na Abysmo às 19h.

À mesma hora e mesmo dia até porque está também inserido no Bairro das Artes acontece na STET o projecto Sapata Press, editora transnacional, sem fins lucrativos, com foco em banda desenhada/ quadrinhos de autoras de países de língua portuguesa. Na senda do feminismo interseccional, tenta inverter a sub-representação de mulheres e pessoas não-binárias nos espaços de produção de banda desenhada/ quadrinhos e a secundarização destas na história. Para este evento foram convidadas uma autora brasileira e uma portuguesa, que lançam em simultâneo publicações de cunho biográfico/ político e (ou) experimental: Sensui de Dois Vês (imagem em baixo) e Lado Bê de Aline Lemos.

sapataz

 

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos, bd estrangeira, bd portuguesa, ilustração, zines

Tráfico de influências

JOÃO

Raia
Tráfico de edições e afins.
Anjos 70 (antigo Regueirão dos Anjos)
21 e 22 de Outubro — das 14 às 24 (Sábado); das 14 às 20 (domingo)

Estamos na fronteira mas não há linhas no chão.

Em Lisboa, durante o fim de semana de 21 e 22 de Outubro, a Raia será o lugar para apresentar e vender edições, discos e artes gráficas. Paralelamente, haverá programação com lançamentos, leituras, exposições, música e projecção de filmes.

A Raia será dos pequenos editores e dos artistas gráficos.

A Raia não tem apoios institucionais. A receita do aluguer das bancas será utilizada exclusivamente para as despesas decorrentes da organização.  (…) Já estão previstos alguns lançamentos e apresentações de edições. (…) Quaisquer dúvidas poderão ser esclarecidas por correio electrónico: raiafrita@gmail.com

Contenção de fachadas, alta gastronomia, legislação sobre drones, heráldica, a invenção do primeiro caniche proveta, aparições divinas em superfícies arbóreas e o fabrico de suspensórios testiculares, de nada disto tratará o ajuntamento que agora se divulga. No ano em que se comemora o centenário da revolução russa, eis que um sportinguista com couperose, uma astrónoma de Estômbar e um galante proprietário de uma funerária decidem convocar foliões da Mafalala e madraços de Ofir para uma inesquecível feira das modéstias a decorrer nos dias 21 e 22 de Outubro nos Anjos 70, em Lisboa.

Poesia e música, fotografia e prosa, edições piratas e posters corsários, ilustração neo-barroca, deejaying sem maneirismos, workshops de jiu-jitsu, origami, feng shui, chop suey e outros segredos orientais, a revelação está para breve, a alegria certa e o sexo será inesquecível.

Um programa ideal para quem gosta de tudo e mais alguma coisa.
___________________________________________

“A fronteira está na cabeça do branco”
Touro Sentado de Costas, 1870
___________________________________________

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos, zines, mercado

Quinta do Bongolê

bongole2

Chegou na Quinta-Feira das Novidades da Bedeteca de Lisboa os dois números de um fanzine do Brasil, o Bongolê Bongorô. Quem faz as mais de 90 páginas A5 é um tal de Melius que ultrapassa a escola Chiclete Com Banana com muita pinta mantendo sempre aquele humor sacana nas bd’s (com direito a poster!), um psicadelismo maconheiro, desenho livre, textos marados, tudo o que é necessário para um gajo ficar alegre num fim de dia xunga… Obrigadão, cara! O maior mistério ainda vai ficar na questão da lombada brochada (grande termo, hein?) que tem lá escrito Cartilha de Pesca Submarina nº36No segundo número participaram uma série de autores portugueses como Pepedelrey, João Cabaço e André Lemos.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd estrangeira, bd portuguesa, zines

Graite fanzaine!

graitestuff11Chegou à Bedeteca de Lisboa um exemplar de Graite Stuff #1 do Panda Gordo, mau!, que mania de chamar ao autor/ editor João Sobral de “Panda Gordo”…

No formato A5 como qualquer bom fanzine que se preze e todo ele produzido de forma caseira, este zine publica uma BD em que Sobral desenvolve uma galeria de personagens meio-losers e meio- empreendedoras (venha o Diabo e escolha) numa observação económico-social que este autor emigrado na Glásgua nos tem habituado. Haverá realmente continuação deste título?

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa, zines

Larvas na Bedeteca

tumblr_static_339983_10150369384896133_15635201132_10452386_8340532_o

Obviamente que foi da visita do colombiano Daniel Jiménez Quiroz à Bedeteca de Lisboa em 2015 que estão por lá dois números da revista Larva (números 14 e 15, ambos de 2011) e um zine de Luis Echavarría Uribe, autor colombiano que reside nos EUA.

A revista junta autores de BD colombianos mas também autores latino-americanos tornando-se literalmente num “novo mundo” a descobrir, sendo que desde já deixamos alguns nomes interessantes: Berliac, Jim Pluk, Joni B, Powerpaola, Rodrigo de Hoz, El Señor Juanito, DecurLuto… Também inclui artigos críticos (muito bem escritos diga-se!) sobre autores como Shaun Tan, Daniel Clowes, Edward Gorey,…

Cuatro Historias Pendejas (2015) de Uribe colecciona quatro BDs muito diferentes entre elas mas que revelam um desenho virtuoso e sobretudo narrativas contundentes para os nossos dias: do fim do mundo ao nervosismo de estar em público, da natureza à criatividade.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd estrangeira, zines