Category Archives: mercado

RAIA este fim-de-semana

28423163_151777985635791_7973100671559345777_o

Programa AQUI

Anúncios

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos, mercado, zines

Re-Falo-Barato

23376331_877643599066318_4993929142350594884_n

Inesperada a reedição de Zé Inocêncio : As aventuras extra ordinárias dum Falo Barato de Nuno Saraiva. Álbum editado originalmente em 1997 pela BaleiAzul e Bedeteca de Lisboa, na colecção Bedeteca – uma colecção dedicada à recuperação de BD portuguesa publicada em periódicos, tendo publicado várias obras importantes como as de Relvas, Cottinelli Telmo, Ana Cortesão, Fernando Bento, Sérgio Luís e Luís Félix.

Uma reedição em Portugal é raro, estando esta iniciativa a cargo da Procyon uma jovem e ilustrada editora dedicada aos jovens e aos nem tanto jovens! Seja lá o que isso quer dizer… Chegou um exemplar à Bedeteca deste álbum lançado em Dezembro do ano passado na Tasca Mastai.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa, mercado

Regresso da Morta

poster_marco_web_ema_preview.png

Andou desaparecida, volta a Feira Morta este fim-de-semana na bela SMUP – na Parede. Vai ser fixe!

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos, mercado, zines

Gisele contra o oligopólio

porto.png

Segundo o Público a tempestade “Gisele” destruiu o telhado da gráfica da Porto Editora. Podíamos comentar muito sobre esta notícia: sobre a arquitectura portuguesa, sobre a construção civil nacional, a injustiça que seja o proletariado a ser ferido pelos danos invés dos quadros administrativos ou do Rui Zink (por exemplo!) que publica nesta editora, enfim, tanta coisa… mas ficamos assim: sem comentários!

Deixe um comentário

Filed under mercado, silly season

330 mil euros

pombal

Segundo o blogue Bandas Desenhadas, este é o valor que a Câmara Municipal de Oeiras pagou para ter a Comic Con Portugal (depois de quatro anos em Matosinhos) no Passeio Marítimo de Algés, entre 6 e 9 de Setembro deste ano.

330 Mil Euros para um evento em que o público é infantilizado ao ponto máximo de ele próprio pagar um bilhete (bem caro!) para se ver a si  próprio. O público faz o próprio evento porque ora veste-se como “teenagers” em crise existencial (chama-se Cosplay) ora trintões que nunca foram à tropa fazem marchas fascistas (parada de militares da Guerra das Estrelas). De resto, tudo o mais é consumo: paga-se a celebridades para autografarem fotos ou tirarem “selfies”, há bancas de brinquedos ou BD (neste caso a BD também é de brincadeira), há adereços e k-lines com reproduções de ambientes de jogos de computador e de filmes de fantasia, conversas redundantes com “artistas” que nada têm para dizer, mesas de amadores, estagiários e empreendedores de BD e ilustração à procura de algo que não existe, etc… um programaço!

Oeiras seria capaz de gastar o mesmo valor num festival dedicado a John Cage? Vá, não vamos ser elitistas… um festival de cinema Queer? Ou trazer os Butthole Surfers que é quase Queer e é quase Cage? Uns 300 Euritos em livros de boa BD para as bibliotecas do concelho? Não nos parece. O que temos é uma autarquia empenhada em estupidificar a população. Talvez fosse bom o I.R.$. – outra notícia triste do mercado português de BD desta semana – fosse investigar sobre este “esquema” – it’s a “con”, right? A única boa notícia é que pelo menos, o Norte já se safou deste esterco! Devem estar felizes de não ter mais “nerds” a entupirem a IC1.

Deixe um comentário

Filed under acontecimentos, mercado

Puja gordi!

24879807_1532059476860288_4860048216174112699_o

Abriu há coisa de um ano uma nova livraria em Lisboa, facto que é de admirar numa cidade reduzida a “alojamento local” e “tapas”. Falamos da Tigre de Papel. Mais interessante ainda é que começaram a editar e o segundo livro que publicam é de BD: Gravidez de Júlia Barata.

No seu habitual tom cómico-punk, Júlia Barata transpôs para esta novela gráfica a sua experiência de maternidade (…) com um sentido de humor a toda a prova, nos transporta para uma experiência que cruza várias cidades, pessoas e encontros.

Júlia Barata, actualmente a residir na Argentina, estará em Portugal durante este mês para participar em duas sessões de lançamento e apresentação do livro. A primeira teve lugar na Tigre de Papel com apresentação de Pedro Moura. A segunda será no Porto, no Gato VadioHOJE, a partir das 18h30.

A autora já tinha publicado a sua mudança para a Argentina no livro Zona de Desconforto mas agora surge a contar em pormenor as dificuldades da gravidez, em alguns casos com representações bem engenhosas. É melhor que aquelas chachadas do Baby Blues e Cathy – nem se compara! De resto, a Bedeteca de Lisboa já tem um exemplar no seu acervo! Não foi preciso esperar nove meses!!!

PS – E a versão castelhana / argentina pela Musaraña Editora.

Deixe um comentário

Filed under acervo da bedeteca, bd portuguesa, mercado

It’s not even funny…

mw-860

Mais uma hecatombe cultural: a Disney comprou a 21th Century Fox (tal como os Simpsons “previram” há 19 anos atrás). Há nove anos atrás compraram a Marvel, por este andar, prevemos que se alguém ver algo que não seja Disney no futuro será preso por desobediência civil…

Deixe um comentário

Filed under cinema de animação, mercado